sexta-feira, 14 de maio de 2010

O caos calmo do mundo


A Europa Ocidental está confusa. Portugal está confuso. Uma espécie de caos calmo atingiu o lado mais oeste do Velho Mundo. Quando vai arrebentar, não sei. Mas eu, pelo menos, estou quase lá.

Para começo de conversa, temos a infindável nuvem cinza do vulcão de nome impronunciável – e nem me atrevo a um ctrl+c, ctrl+v. Ora, dizem que ainda pode durar meses. As companhias aéreas colecionam prejuízos aqui e ali. Aviões na terra, tripulação parada, passageiros desesperados. Há quem diga que é a fumaça de Lost.

Depois vem a bancarrota da Grécia. Tumulto, quebra-quebra, piedade econômica... a União Europeia vê ruir o seu modelo – e há perigo iminente de outros países seguirem a tragédia. De certa forma, nada muito novo. Após a crise mundial, onde passei a dormir de luz acesa com medo do bicho-papão, percebemos a vulnerabilidade de todo o sistema.

E não é que, em meio a isso e a denúncias no Vaticano, o Papa chegou a Portugal? Lisboa parou na terça-feira e foram gastos milhões de euros para receber o pontífice (ainda tenho lá as minhas ressalvas com essa palavra engraçada. Digam se não parece uma doença coronária). Ratzinger, que tem nome para lá de nazista, banhou-se de ouro e abençoou milhares de pessoas no Terreiro do Paço. Não foi macumba. Mas se fosse, teria sido mais eficaz.

Para encerrar, a cereja do bolo. Na política do pão e circo, o futebol teve atenção de destaque nos noticiários. O Benfica, clube de 200 mil sócios e mais de 15 milhões de adeptos espalhados, sagrou-se campeão após quatro temporadas. Poucos dias depois, saíram as convocações de Portugal e Brasil para o Mundial. E o planeta começa a, definitivamente, respirar África do Sul.

Os tempos já são desordenados demais por si só e os fatos não ajudam. Na dúvida, com a alma fantasiosa que carrego, nada prático que sou, ilógico e imaterial, simplesmente aponto para a direção de Nelson Rodrigues: pior então para os fatos.

Um comentário:

Mary Jo disse...

Bora pra outro planeta? é que isto já está plo mundo todo.. temos mesmo de mudar de planeta! :)

beijooo