sábado, 17 de abril de 2010

Sábado à noite


É sábado à noite. Imaginem a cena: o Bairro Alto está cheio, eu cheio de anseios de lá estar e estou em casa. A cidade transborda vontade. Fez sol depois de quatro dias de chuva. Almocei arroz, feijão e picanha no Colombo e dei uma volta pelo Rossio e pela Baixa antes de terminar a noite prematuramente com umas cervejas e chouriço na Casa do Alentejo.

Lisboa está com espanhóis e ingleses aos montes. Não sei se por conta do vulcão da Islândia, mas isto aqui está uma brasa – desculpem o trocadilho infame! É sábado e nada de Bairro Alto com os amigos, de boas risadas, de imperial a 70 cêntimos, de shot de uísque, vodka e piri-piri no bar dos Erasmus.

Só posso lamentar por não aproveitar uma típica noite de Primavera.

2 comentários:

Sofia Rodrigues disse...

Dispensaste a sexta-feira:P

Mary Jo disse...

Eu vi um optimo espectaculo neste sabado a noite =)