domingo, 27 de dezembro de 2009

Mudamos

Mudamos. E é ao fim dos anos que notamos. Mudamos como quem muda de roupa, mas em dose pouca (porque a mudança brusca sempre assusta). Eu mudo, tu mudas... assim vamos dividindo a culpa. Não há jornada única.

Um comentário:

Sandryne disse...

Esse post tá no blog errado.
Era pra estar no Inutensílios.
Bem legal.
Beijo