sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Sexta-feira 13


Cedo ou tarde, sabia que escreveria sobre isso. Ando desgastado, cansado mesmo, da vida de estudante-imigrante. Privei-me das conquistas recentes, enfrentei de peito aberto o recomeço, busquei sentidos ausentes em mim. Agora absorvo as carências e meu corpo acusa uma imensa fadiga – física, emocional e psicológica.

Sim, o vento frio ainda lambe o meu rosto. Sutil e demoradamente. Sim, a cultura distinta ainda me ensina várias coisas. Sou verdades que me encontraram no beco escuro da percepção. Sim, as pessoas ainda renovam minhas escassas energias. Cresço – e me torno melhor – com elas.

Assustei quando, outro dia, me observei no espelho: magro de forças. Calculo que perdi uns cinco a seis quilos desde que cheguei a Lisboa, pesando 70. Raquítico e patético, tenho acordado e dormido preocupado. Só finjo a calma quando quero, a naturalidade quando consigo.

E o tempo corre, com a velocidade de uma flecha que errará o alvo. O tempo foge, com a obstinação cega do calendário. Já são 13 de fevereiro. Um sexta-feira abençoada pelo meu desabafo.

4 comentários:

gina disse...

Abençoada seja!

Que invejinha de voce ai no friozinho da mãe(ainda que ilegitima)Europa, gatinho.

Veja o que esta diferente em cada dia na querida Lisboa pra contar pra gente aqui.

Estou, com todos que te adoram, na torcida por voce.

Bjos calorosos de BSB!
Prima Mari

xoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxox

Aretha disse...

Ei! Força!!! É quando a gente mais precisa que precisamos buscá-la lá no fundo da alma!

O cansaço passa mas a e4xperiencia dessa fase que vc esta vivendo fica para sempre!

Beijos, saudades e estou muito orgulhosa do meu colega de facul cobrindo Sporting x Benfica no Alvalade pela Placar!

Rui disse...

Gustavo, você está no intervalo entre o primeiro e o segundo tempo de um jogo na Bolívia, 4000 metros de altitude. Falta de ar no final dos 45 minutos. PÔ! não vou aguentar o segundo tempo.....
Jogo vale a taça.
Chuta de bico manezinho que o jogo vale a classificação! Grita a torcida.
Toma umas vitaminas e volta em campo que a torcida espera muito de tu, artilheiro. Abraços energéticos.

Rachel Monteiro disse...

Lindo o texto.

Saudade dói e ambientes estranhos estressam.

Paciência.

Paciência e fé.

Beijos.